Cruzámo-nos com a Lígia no Instagram, nem sei ao certo se através do A Crush on, o blog de viagens que criou, ou se através do projeto Peggada. Seguimos ambos, ou não fôssemos nós fãs de viagens ou partilhássemos ideias sobre sustentabilidade.

No blog fala de viagens, mas também de objetivos de desenvolvimento sustentável, fixados pela ONU, de empoderamento feminino e de modos de vida diferentes. A Lígia parece ser um espírito livre, e ter bicho carpinteiro, que é coisa com a qual também nos identificamos laughing

Quanto a roupa, deixamos que seja ela a contar porque começou a comprar em segunda mão. Quanto a nós, por uma razão muito válida!

Obrigada Lígia, por teres aceite o nosso convite para contar a tua estória com a roupa em segunda mão!

Há muitos anos (7 ou 8) que não compro roupa em lojas de fast fashion. Opto sempre por segunda mão ou marcas sustentáveis

E como é que isso começou? Perguntam vocês? Não foi por razões de sustentabilidade.

Acho que só me apercebi que estava a fazer isso muito tempo depois. Começou pelo meu amor a viajar. Como queria viajar mais, tinha de poupar em algum lado – e o que me pareceu mais fácil era poupar em seguir modas. Assumir que tinha de ser criativa com o que tinha e encontrasse smile

Lembrei-me muitas vezes da adolescente parvinha que queria tudo no último grito da moda e não ligava quando lhe diziam que mais valia pouco e bom. Nesta primeira fase, recorri muito ao armário da minha mãe e avó.

Lígia Gomes - reCloset roupa em segunda mão

Pouco tempo depois, em viagem, descobri lojas de segunda mão ao kilo e fiquei fascinada.

Acho que fui aprendendo a criar o meu próprio estilo e não ligar tanto se não estava a seguir tendências. Mais tarde vieram as preocupações ambientais e tudo fez sentido. Comprar em segunda mão é sempre a minha primeira opção agora 🙂

Lígia Gomes, A Crush On e Peggada

Photo by https://unsplash.com/@charlesetoroma retirada do blog A Crush On

Como dobras as tuas t-shirts – Dica#39

Dizem os especialistas que dobrá-las da forma certa as mantém fofas. O mais habitual é dobrar as mangas para trás e depois a meio, para ficar uma espécie de quadrado. A seguir, é só empilhar umas sobre as outras, sem exagerar na quantidade. Outros dizem que enrolar é...

Da feira da Ladra à busca de projetos mais sustentáveis

Já acompanhamos a Cátia Curica há anos, ou não seja ela uma das maiores empreendedoras da cosmética bio em Portugal. Cofundadora da Organii, a primeira marca de cosmética bio portuguesa, ainda tem tempo para provas de triatlo, para dar aulas e para muito convívio em...

Uns borrifos de água que alisam a roupa – Dica#38

Estamos na época das férias e fazer as malas pode ser toda uma ciência. E se há coisa que não queremos em férias é perder tempo a passar a ferro certo? Para retirar as rugas da roupa, leva uma pequena garrafa de água com borrifador e segue os passos: borrifa as peças...

Tirar manchas de gordura com giz – Dica#37

Crescemos a ouvir que era pôr farinha ou pó de talco, para absorver a gordura. Juntamos mais um à lista, o giz! Se for o que tens mais à mão, vale tudo para tirar a mancha de gordura. Como fazer: aplicar assim que a gordura caia na peça esfregar o giz pela mancha toda...

Obsolescência programada e percebida na moda

Os conceitos de obsolescência programada e percebida estão geralmente associados a produtos de eletrónica, como eletrodomésticos ou tecnologia de consumo. Mas também se aplicam à moda. Como surgiram os conceitos de obsolescência programada e percebida? Nos anos 20 do...

É possível uma peça que encolheu voltar à forma? – Dica#36

Uma peça que encolheu pode ser esticada novamente, podendo voltar (mais ou menos) à forma original. A forma como é possível fazer depende do tecido e da forma como a peça encolheu. As peças mais passíveis de encolher são as fibras naturais, e são também estas que...

Leopardo no coração!

Apesar deste padrão ser intemporal não é consensual, há quem o ame, há quem o deteste. Eu pertenço ao grupo das que o adoram e por isso decidi fazer uma composição com este top super giro. O segredo para usar leopardo sem cair no exagero prende-se, em primeiro lugar,...

E se a roupa encolhe? – Dica#35

Depois de encolher, é difícil de voltar à forma original (mas é possível, falamos nisso outro dia!) A maioria dos tecidos acaba por encolher (ou alargar) com o tempo. Mas se forem bem cuidados, esse tempo é bem longo. As fibras naturais têm mais tendência para...

Uma italiana zero waste em Portugal

A Anna Masiello dispensa apresentações. É a famosa ativista ambiental hero to zero, que partilha o seu dia-a-dia na sua página de Instagram. Desde dumpster diving, para reduzir o desperdício alimentar, até salvar chapéus de chuva estragados, a Anna luta em todas as...

Pensar antes de comprar – Dica#34

Há alguns materiais que requerem mais manutenção e cuidados. Incluíndo alguns que precisam de cuidados específicos, que não se pode ter em casa, como a limpeza a seco. Para minimizar esse tipo de cuidados, que têm também maior impacto no ambiente, pensa e avalia o...
%d bloggers like this: